Quarta-feira, 30 de Abril de 2008

CRÓNICA NO DIÁRIO DE AVEIRO

O Jornal "Diário de Aveiro" publicou hoje, na página 20 um artigo de opinião da minha autoria...

Um bem haja à Claudia Bastos e à Laura Rodrigues pelo gesto de simpatia e amizade.

 

Partilho convosco o texto...

 

 

UMA NO CRAVO, OUTRA NA FERRADURA

A pastilha do tabaco

Por: Paulo d'Almeida Santos

          Colaborador do Diário de Aveiro

 

Muito se tem falado nos últimos tempos sobre a actuação desta ou daquela instituição, sobre esta ou aquela lei…

Penso que é deveras constrangedor e confuso não sermos objectivos ao distrair a nossa atenção para outros pormenores que, apesar de serem importantes, nos desviam do essencial… e o essencial, como dizia Antoine de Saint-Exupery, é invisível aos olhos!

Sou um cidadão comum, que vai estando atento aos ecos de vidas que lhe vão chegando deste ou daquele quadrante, desta ou daquela pessoa; que não sabe o que é politicamente correcto afirmar, mas que compreende o papel fundamental que cada um de nós tem na sociedade que exponencialmente se vai transformando e o importante que é dizer o que pensamos e fazer ouvir a nossa voz, depois de decantar os imensos compostos orgânicos voláteis que, ao assimilarem medos, muitas vezes nos tolhem as pernas… e a voz. Nas feridas, tanto se põe bálsamo como fogo e, ás vezes, o fogo é o melhor bálsamo!

Desde que a Lei do Tabaco foi aprovada assistimos diariamente a este ou aquele protesto, a esta ou aquela organização que sai em defesa desta ou daquela facção, a esta ou aquela notícia que divulga a actuação mais esmerada desta ou daquela instituição. Às vezes fico com a sensação de que vivemos uma revolução silenciosa e algo hipócrita que vai criando batalhas entre os maus e os bons… como diz o povo “é preso por ter cão e preso por não ter”.

Sou fumador – infelizmente – mas desde muito cedo que aprendi a viver com outros que não o são e a respeitá-los na sua feliz diferença. É importante reflectir sobre a lei aprovada, os seus benefícios e malefícios…

Facto é que respiramos melhor, reduzimos o vício e já não chegamos a casa com as roupas a cheirar a tabaco – isto, a meu ver, é o essencial; tudo o resto são sequelas de interpretação da lei em si que, a meu ver, determinam comportamentos e tomadas de posição mais ou menos extremistas e extremosas!

Por outro lado, ao sermos obrigados a “fumar à porta” para além de ajudar a reduzir o consumo de tabaco, criamos um novo espaço de convívio à porta dos estabelecimentos que, para além de ser selectivo, proporciona uma amena cavaqueira, novos conhecimentos, empatias e até troca de opiniões onde se fala de tudo e de todos, com boa ou má língua.

Fala-se também da imposição da lei pelo estado e das suas lacunas quanto a percentagens de espaços destinados ao “vício” e da pretensa redução da “clientela” e dos lucros nos estabelecimentos onde os proprietários foram obrigados a colocar o cartão vermelho à porta… sejamos objectivos e saibamos dizer, ao menos uma vez, a verdade: continua-se a tomar o cafezinho (e o bagacinho) lá dentro e a vir fumar cá para fora e ainda ninguém se lembrou de, num gesto “chique” vir para a rua de pires e chávena na mão… mas ainda não está excluída essa hipótese!

Nunca vi nenhuma lei a ser tão bem cumprida na integra como esta lei do tabaco… nem o código da estrada, nem as leis fiscais, nem os comportamentos sociais que dia após dia se vão deteriorando – ainda sou do tempo em que no autocarro se dava o lugar aos idosos ou ás mulheres grávidas, e à mesa do restaurante se pedia licença para fumar – são tão bem observados como esta lei. Em qualquer jogo há regras e só depois de as definir se poderão contemplar eventuais excepções; o contrário é, contra-senso! Mais ainda; temos fama de não ser um povo “bem-educado” porque ainda não fazemos a separação do lixo, atiramos lixo para o chão, não nos preocupamos com o ambiente e outras coisas que tal, mas desta vez mudamos a regra – pese embora o facto de que ainda continuamos a atirar a “beata” para o chão, mas do mal o menos.

Meus caros, é certo que não se pode pedir mudança de hábitos de um dia para o outro, nem tão pouco é fácil agradar a “gregos e troianos” (no caso, fumadores e não fumadores) mas na verdade esta “pastilha do tabaco” só vem garantir a liberdade dos outros e acautelar a nossa saúde! Por ser o essencial, só nos resta um caminho: cumprir para podermos respirar melhor, viver melhor e contribuir para um melhor ambiente e uma melhor qualidade de vida.

Publicado em 30/04/2008 no Diario de Aveiro

http://www.diarioaveiro.pt/

ppp do Paulo às 09:00
| comentários ao ppp...
|
2 comentários:
De primo joao a 30 de Abril de 2008 às 17:13
Parabéns primo fumador pela noticia no jornal. vê se te cuidas e deixas a pastilha do tabaco para continuares a escrever assim :-)
um abraço
JM
De Filipe Moreira a 2 de Maio de 2008 às 15:51
Parabéns. A escolha para publicação deste teu artigo no Diário de Aveiro trata-se apenas de mais uma etapa que atingiste, dentre as muitas que irás atingir. A mim pessoalmente que te conheço não me surpreende, a nobreza de pensamento e de atitude que é teu apanágio, mais tarde ou mais cedo seria reconhecido por aqueles que não te conhecem tão bem. Pela minha parte o orgulho que tenho em te conhecer e o privilégio de ser teu amigo enchem-me ao saber do teu rumo fantástico. Mais uma vez parabéns.

deixe aqui o seu ppp...

quem sou...

pesquisa no ppp...

 

Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

ppp's recentes...

BOAS FESTAS... FELIZ NATA...

BENÇÃO DO PAPA FRANCISCO

PARTIU UM AMIGO DE QUATRO...

O VESTIDO VERDE

CANTO DAS JANEIRAS SOLIDÁ...

MENSAGEM DE NATAL 2012

FERRAMENTAS DE VIDA...

NOTÍCIA PUBLICADA NO JORN...

PRESENTES DE VIDA

O TEMPERO DA VIDA

FUNILICES

UM PADRE DE ENERGIA

ppp's arquivados...

Dezembro 2015

Junho 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Dezembro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Maio 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Dezembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Março 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

outros ppp's

o seu ppp está perto de...