Sexta-feira, 29 de Junho de 2007

OBRIGADO

A ti que neste dia especial te lembraste de mim, quero retribuir com uma palavra de agradecimento e o desejo de que permaneça viva a chama da amizade que entre nós, um dia por este ou aquele acontecimento, se gerou e que hoje apesar das distancias, das discordancias, dos desentendimentos, das confusoes... crepita mais alto e continua a aquecer e a iluminar a amizade...

Não sendo possível estar com todos, desejo partilhar contigo um dos poemas de que mais gosto, e que posto em forma de canção traduz o desejo de "nos braços de um anjo amigo encontrar algum conforto".

 

 

Obrigado... simplesmente.

 

Paulo, 29/06/2007

 

 

 

Terça-feira, 5 de Junho de 2007

A ALDEIA DOS RESMUNGOS

Era uma vez um lugar chamado Aldeia dos Resmungos, onde todos resmungavam, resmungavam, resmungavam…
No verão, resmungavam porque estava muito calor…
No inverno, poruqe estava muito frio.
Quando chovia, as crianças choramingavam pois não podiam sair... Quando fazia sol, reclamavam pois não tinham o que fazer…
Os vizinhos queixavam-se uns dos outros, os pais queixavam-se dos filhos, os filhos dos pais, os irmãos das irmãs, os amigos doa amigos… era tudo um coro de lamentações, resmungos e queixas Todos tinham um problema, e todos reclamavam que alguém deveria fazer alguma coisa. Um dia chegou à cidade um maltrapilho com um enorme cesto às costas. Ao perceber toda aquela inquietação e choradeira, pôs o cesto no chão e gritou:
- Ó cidadãos deste belo lugar! Os campos estão abarrotados de trigo, os pomares carregados de frutas. As encostas estão cobertas de florestas espessas, e os vales banhados por rios. Nunca vi um lugar abençoado com tantas coisas boas e em abundância. Porquê tanta insatisfação? Aproximem-se, porque eu tenho a solução para os vossos problemas e o caminho para a felicidade.
O maltrapilho tinha a roupa rasgada e suja. Havia remendos nas calças e buracos nos sapatos. As pessoas gozavam e troçavam daquele “Zé Ninguém”… como poderia ele mostrar o caminho para a felicidade? Mas enquanto riam, o maltrapilho puxou de uma corda comprida do cesto e esticou-a entre os dois postes na praça da aldeia. Com o cesto nas mãos, gritou:
- Povo desta cidade! Aqueles que estiverem insatisfeitos escrevam os seus problemas num pedaço de papel e ponham dentro deste cesto. Garanto que trocarei os problemas de cada um por felicidade!
A multidão aglomerou-se e ninguém hesitou diante da oportunidade de se livrar dos problemas. Todo o homem, mulher e criança da aldeia rabiscou a sua queixa num pedaço de papel e colocou-o no cesto. Em seguida, o maltrapilho pendurou os papeis, um a um, na corda. Quando terminou, havia problemas ao sabor do vento em cada centímetro da corda, de um extremo a outro. Em seguida ele disse:
Agora cada um de vocês deve retirar desta linha mágica o problema mais pequeno que puder encontrar….
Todos correram para examinar os problemas. Procuraram, manusearam os pedaços de papel e ponderaram, cada qual tentando escolher o menor problema. Depois de algum tempo a corda estava vazia…. Eis que cada uma das pessoas dessa aldeia segurava nas mãos o mesmíssimo problema que havia colocado no cesto. Cada um havia escolhido os seu próprio problema, julgando ser ele o menor da corda…
 
Caríssimos Amigos...
Se em vez de andarmos sempre em queixumes e criar problemas em cima de problemas, solucionar-mos os que nos surgem... provavelmente estaremos a contribuir para um melhor ambiente em casa, na familia e ate com nós próprio. Não é o cesto do esquecimento ou a corda da exposição que resolvem as nossas tempestades num copo de água… são as nossas mãos e o nosso coração que têm de desbloquear para encontrar a solução….
 
Paulo / Junho de 2007
ppp do Paulo às 00:30
| comentários ao ppp...
|

quem sou...

pesquisa no ppp...

 

Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

ppp's recentes...

BOAS FESTAS... FELIZ NATA...

BENÇÃO DO PAPA FRANCISCO

PARTIU UM AMIGO DE QUATRO...

O VESTIDO VERDE

CANTO DAS JANEIRAS SOLIDÁ...

MENSAGEM DE NATAL 2012

FERRAMENTAS DE VIDA...

NOTÍCIA PUBLICADA NO JORN...

PRESENTES DE VIDA

O TEMPERO DA VIDA

FUNILICES

UM PADRE DE ENERGIA

ppp's arquivados...

Dezembro 2015

Junho 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Dezembro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Maio 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Dezembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Março 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

outros ppp's

o seu ppp está perto de...